Nota de esclarecimento sobre os dados para o Sinesp

Presidência
02/05/2018 17:03h

O trabalho de transparência  realizado pelo Instituto de Segurança Pública na consolidação e divulgação dos  dados de segurança pública do estado do Rio de Janeiro é referendado  nacionalmente pelos especialistas e estudiosos do tema, tendo o Rio de Janeiro  alcançado, em 2017, 100% de pontuação na dimensão de Estatísticas Criminais no  Índice de Dados Abertos construído pelas renomadas Open Knowledge Brasil e  Dapp-FGV.

Acadêmicos e jornalistas  desfrutam dos dados consolidados e divulgados pelo ISP, ilustrando o  compromisso do Instituto com a qualidade e a transparência das informações. 

Em relação ao envio de dados para  o Sistema Nacional de Segurança Pública (Sinesp), não foi possível, em virtude  do formato custoso de alimentação do sistema, um processo mais automatizado de  envio das informações a partir das bases de dados já produzidas pelo ISP. Por  conta disso, muitos estados não conseguem manter a regularidade na atualização  do Sinesp.

Como é de conhecimento público, o  estado do Rio de Janeiro passa por uma crise fiscal que tornou necessário um  forte ajuste nos recursos humanos e financeiros disponíveis. Mesmo com essa  forte restrição, o ISP não apenas mantém a qualidade em seu trabalho de  consolidação e divulgação dos dados oficiais de segurança, como também lidera –  sem novos ônus para os cofres públicos - projetos fundamentais para a  modernização das políticas de segurança no estado. É o caso do ISPGeo,  plataforma digital desenvolvida pelo ISP que coloca à disposição das forças  policiais o que há de mais avançado e bem sucedido internacionalmente em termos  de análise criminal para o planejamento operacional do combate à criminalidade.

Isso só é possível pela aplicação  eficiente de recursos escassos. Nesse sentido, o ISP está em tratativas com a  Secretaria Nacional de Segurança Pública desde outubro de 2017 para regularizar  o envio das informações para o Sinesp. Em nenhum momento, houve sonegação de  informações. O atraso na alimentação do sistema ocorreu apenas devido ao alto  custo em termos de aplicação de recursos humanos, no momento em que eles são  absolutamente restritos, para que não houvesse prejuízo no trabalho regular do  ISP e em seus deveres prioritários, que são fundamentais para a manutenção da  qualidade e transparência dos dados de segurança do estado, além do fundamental  aprimoramento do trabalho policial. 



Assessoria de Imprensa do Instituto de Segurança Pública – ISP
Karina Nascimento - Tel: 2332-9690/ 98596-5264
e-mail: knascimento.isp@gmail.com / imprensaisp@gmail.com
www.isp.rj.gov.br

Visitantes: 517416
INSTITUTO DE SEGURANÇA PÚBLICA: Avenida Presidente Vargas, nº 817 - 16º andar - Centro CEP: 20.071-004 - Rio de Janeiro/RJ
Chefia de Gabinete - 2332-9709 / Comunicação Social 2332-9690 / Conselhos Comunitários de Segurança - CCS - 2332-9648 / 9693
Horário de Funcionamento do Protocolo: 09:00 às 17:00 horas
Tecnologia PRODERJ - Todos os direitos reservados